quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Diário Espiritual de Hoje: O Amor e o Medo.

"Deus é amor, quem permance no amor permance em Deus, e Deus nele. No amor não existe medo; pelo contrário, o amor perfeito lança fora o medo, porque o medo supõe castigo. Por conseguinte, quem sente medo ainda não está realizado no amor. (1ª João 4,16,18).


O Nosso coração ainda é cheio de medos, mas aos poucos Tua mãe carinhosa nos inspira confiança, como um homem que deseja conquistar a confiança de um animalzinho. Mas Senhor, não leve em conta nossos medos, e que eles não vos transmitam nossa falta de confiança em vós, é que uma vez que fomos muito judiados pela vida sentimos medo de amar, medo de rejeição, medo de decepecionar-vos, que o vosso amor afujente os nossos medos, como a luz da aurora afujenata a escuridão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário