terça-feira, 4 de setembro de 2012

Romaria de São Vicente

Em meio ao sol forte do sertão, surge um povo novo e cheio de fé, um povo que não teme os desafios da vida, um povo que tem coragem para seguir uma cruz, uma caminhada que externa a tragetória da alma que por sua vez, também precisa enfrentar o comodísmo, individualísmo, a preguiça, o sol quente, a longa estrada rumo ao céu.Um povo que consegue testemunhar ao mundo a força de sua fé.
Pessoalmente foi a primeira vez que participei dessa romaria, mas foi realmente um grande experiência, foram pouco mais de três horas de caminhada, com algumas paradas para meditar a palavra de Deus através das apresentações dos povos quilombos, na paróquia Nossa Senhora Auxiliadora de Lagoa Grande, quem não aguentava ia de carro, mas ninguem queria desistir.
Tivemos também uma parada para pra o café da manhã, onde partilhamos o pão, ou como cantava o lindo coral de crianças: O Chá de São Vicente".O Café era simples, mas foi suficiente para que nós aguentássemos todo o caminho, entre os romeiros havia visitantes de salvador, João Pessoa e Caruarú, além de autoridades civís.


Ai estamos, à direita o Pe. Fernando, e ao centro, eu e algumas irmãs no meio da multidão...

A Romaria segue no seu oitavo ano, fundada pelo Dr. Pereira, Advogado da Diocese de Petrolina, o qual se encontra todos os anos e sempre muito feliz na Romartia dos Vicentinos, sempre que possivel quero repetir a experiência, esses são gestos simples, que agente não aprende nos cursos de teologia, mas na experiência pessoal com cristo, e na fé do povo simples. 
Confira mais fotos no nosso album mais acima no menú de fotos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário