segunda-feira, 23 de maio de 2011

Beatificação de Irmã Durlce: O Anjo Bom da Bahia!

Encontrar a face de Cristo nos que sofrem, eis um grande de fé e coragem, testemunho vivo que emociona até mesmo o mundo sem fé, o amor salvará o mundo!

A religiosa baiana Maria Rita de Souza Brito Lopes Pontes, conhecida como Irmã Dulce (1914-1992), foi beatificada em cerimônia neste domingo (22) em Salvador.Conhecida como “anjo bom da Bahia” em razão de seu trabalho assistencial, Irmã Dulce passa a ostentar a denominação de Bem-Aventurada Dulce dos Pobres. Com a beatificação, fica a um passo de receber o título de santa pela Igreja Católica Apostólica Romana, principal ramo do catolicismo no País.

A celebração deste domingo, sob chuva forte em alguns momentos, reuniu milhares de católicos no parque de exposições de Salvador. Começou por volta das 14h, com uma apresentação artística. A missa teve início por volta das 17h, com cerca de 500 religiosos, entre padres, arcebispos, bispos, diáconos e seminaristas.

A beatificação se confirmou com a leitura de carta do papa que inscreveu Irmã Dulce na relação de santos e beatos da Igreja Católica. Houve ainda o anúncio da data de 13 de agosto como dia de celebração da festa litúrgica da beata.

Com a beatificação de irmã Dulce, o Brasil passa a contar com cerca de 70 beatos, candidatos potenciais a santos. Considerada a maior nação católica do mundo, com 73% da população católica pelo Censo 2000, o Brasil tem apenas um santo nascido no País, o Frei Galvão (1739-1822), canonizado em 2007 pelo papa Bento 16.

Em 2007, durante visita do papa Bento 16 ao Brasil, Serra era governador de São Paulo e enviou carta ao pontífice pedindo a beatificação da freira.

Nesse domingo, Serra disse que não era o momento de comentários sobre política e preferiu falar sobre Irmã Dulce. “Esta é uma vitória. Não uma vitória de alguém, e sim da solidariedade, Irmã Dulce já era uma santa em vida”, disse.

Já a presidente Dilma não falou com a imprensa durante a passagem por Salvador. Deixou o parque de exposições às 19h25, sob forte chuva e ainda durante os últimos cânticos da missa, e seguiu para Brasília.

Túmulo definitivo do “Anjo Bom do Brasil”, a Capela das Relíquias – local para onde seus restos mortais foram transferidos após exumação, em 09 de junho de 2010 – está aberta à visitação durante todos os dias, das 7h às 18h. A capela fica na Igreja da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, o futuro Santuário de Irmã Dulce, no Largo de Roma (Cidade Baixa), em Salvador.



use seu loguin e senha do orkut para deixar um comentário sobre este artigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário