sexta-feira, 20 de agosto de 2010

JUSTIÇA condena IGREJA EVANGÉLICA que vendeu "objetos ungidos" a deficiente mental.

Nenhum comentário:

Postar um comentário